Senegal – Casamance

Mis. Marvyo e Família
Mis. Marvyo e Família
Mis. Marvyo e Família
Mis. Marvyo e Família

[:pb]

 

Atualmente estamos desenvolvendo nosso ministério no Senegal, país do Oeste Africano. É um país no qual 97% da população é mulçumana e 2% animista. O clima espiritual aqui é realmente muito pesado, há muito misticismo e feitiçaria em toda a parte. É muito comum ver as crianças envolvidas por “gri-gris” em volta da cintura (gri-gris são amuletos feitos com chifres ou madeiras contendo partes do alcorão), a função desses amuletos seria para protegerem as crianças dos maus-espíritos.

É em meio a esse contexto que Deus nos coloca, nos atrai e nos faz amar esse povo tão sofrido e escravizado. Outrora escravos dos brancos, agora escravos do medo e do terror de uma religião que jamais prega o amor. Sei que Deus nos trouxe a esse lugar para amar e para mostrar de forma simples a grandeza do evangelho.

Somos brancos (Toubabe- em wolof) que viemos para servir, para darmos a nossa vida e o nosso melhor àqueles a quem Deus já deu o seu melhor, seu próprio filho. Estamos trabalhando com educação de crianças africanas. Reformamos o espaço e agora as aulas começaram. O processo não é fácil, pois as crianças precisam ser alfabetizadas em francês, língua oficial do país, mas as mesmas ainda não conhecem a língua. Há uma diversidade lingüística que impressiona e assusta ao mesmo tempo. Temos crianças de 4 anos em nossa escola que falam três línguas e estão em processo de aprender a quarta, o francês.

Anexas ao cronograma escolar estão histórias bíblicas, histórias que falam do verdadeiro Deus. Através disso, essas crianças terão uma oportunidade de escolha, conhecerão Jesus como salvador e não somente como um simples profeta, como prega o Alcorão. As músicas que cantamos ensinam sobre Deus, antes das refeições oramos agradecendo a Jesus. Sabemos que não é fácil para essas crianças compreenderem, às vezes na oração antes da refeição escutamos alguém dizer Alá, contudo estamos certos de que Deus as escolheu para terem acesso à verdade e glorificamos o Seu nome por sermos instrumentos seus nesse processo.

Através das crianças temos um acesso maior ao vilarejo onde elas moram, bem como uma maior proximidade com seus pais. Durante qualquer festividade na escola, ou até mesmo numa simples reunião, aproveitamos para contar uma história bíblica aos adultos, sabendo que a Palavra de Deus não volta vazia (Is 55:11)

Muito obrigado a todos que oram e que tem interesse nesse ministério. Saibam que cada um de vocês também é instrumento de Deus nesse processo, apesar da distância e das tamanhas barreiras, estamos juntos e um pedacinho de vocês está aqui conosco. Obrigado pelo empenho, saibam que no Senhor o vosso trabalho não é vão. Nada está oculto aos olhos de Deus, Ele sabe como cada um tem se empenhado na Sua obra e Ele dará a recompensa. Continuemos juntos trabalhando para expansão do reino de Deus na terra. Muito obrigado a todos!

 

 

[:en]

Desde 2009 temos trabalhado na aldeia de Bourofaye Bainounck, no sul do Senegal. Temos buscado sonhar os sonhos de Deus e pela fé contemplamos um trono de louvor e adoração a Deus em uma aldeia atualmente muçulmana. Difícil sim, impossível não!